3 Tipos de alimentos que prejudicam o meio ambiente

A sustentabilidade se tornou importante para muitas pessoas que começaram a pensar melhor no meio ambiente. Junto com isso cresce também os cuidados com a alimentação.

É fato que existe alguns alimentos que podem fazer muito mal para o meio ambiente e ficar ciente disso pode ser muito importante na hora de colocar ou não esse alimento na boca.

Carne bovina

Carne BovinaO Brasil é hoje, o maior exportador de carnes do mundo. Apesar dos lucros que o país tem, os impactos ao meio ambiente são muitos.

A pecuária bovina é responsável pela emissão de pelo menos 50% dos gases-estufa, principalmente do gás carbônico (CO2) e do metano (CH4). O aumento da concentração desses e de outros gases na atmosfera é o que intensifica o efeito estufa, pois eles absorvem uma parcela da radiação infravermelha, aumentando a temperatura do planeta e causando o chamado aquecimento global.

O desmatamento para abrir pastagens para os rebanhos são muitos e para limpar esses terrenos, são realizadas queimadas, o que emite os gases-estufa e representa o maior fator de emissão desses gases no Brasil.

Além do consumo de carne, cada vez mais pessoas estão fazendo a dieta do leite, o que aumenta ainda mais a concentração de vacas. Estima-se que a produção de carne bovina utiliza 15 mil litros de água por quilo de carne.

Soja

SojaA soja representa uma força nova e poderosa entre as ameaças ao meio ambiente no Brasil.

A soja é um dos principais alimentos dos vegetarianos que é um é um regime alimentar baseado no consumo de alimentos de origem vegetal. Define-se como a prática de não comer qualquer tipo de animal, com ou sem uso de laticínios, ovos e os alimentos ricos em carboidratos complexos.

O desmatamento para cultivar a soja é responsável por 473 milhões de toneladas de dióxido de carbono sendo liberado na atmosfera. Para cada 450 g de grãos de soja produzidos são usados mil litros de água.

Peixes

PeixesNão é de hoje que cientistas advertem que as atividades de pesca no mundo estão empobrecendo nossos mares e oceanos. As populações de grandes peixes predadores, um indicador chave da saúde deste ecossistema, estão desaparecendo.

A pesca excessiva de uma determinada espécie não prejudica apenas a população, mas pode ter efeitos graves na cadeia alimentar e da biodiversidade.

Óleo de palma

Óleo de palmaO óleo de palma é um óleo vegetal extraído da fruta encontrada nas palmeiras. Metade das comidas industrializadas contém este óleo porque dá uma maciez às comidas e facilita a sua conservação.

O óleo de palma é um dos maiores responsáveis pelo desmatamento nos tempos atuais. Impulsionados pela grande demanda do óleo, países asiáticos enfrentam casos de desmatamento e morte de animais devido às queimadas florestais feitas para fins de expansão, pondo em risco a saúde da população, da fauna e flora.

A destruição de florestas tropicais e turfeiras acaba contribuindo para o aumento da produção de emissão de gases de efeito estufa e impacta a biodiversidade pois reduz o habitat de várias espécies endêmicas, como os orangotangos, ou seja, não ajuda a natureza.

Tesão de Vaca: Será que é verdade?

Quando estamos solteiros ou casados uma coisa sempre vai atrair nossa atenção: o sexo. Ter uma noite de amor intensa, quente com alguém tão quente quanto a gente é realmente uma maravilha. Mas isso nem sempre é possível principalmente após vários anos de casamento.

Afinal, é normal que o casal esteja cansado por causa do trabalho, dos afazeres domésticos e da rotina feita incontáveis vezes. Não é difícil encontrar sites que falem sobre o tesão de vaca. Mas será que isso é verdade ou é apenas mais uma jogada de marketing?

O que é o tesão de vaca?

Tesão de vaca funciona mesmoExistem vários alimentos que são chamados de afrodisíacos por causa do efeito que eles promovem no nosso corpo como é o caso do amendoim, por exemplo. Mas também existem alguns remédios que prometem ter o mesmo efeito.

O tesão de vaca são as gotas afrodisíacas que dão mais vontade de transar. E isso acontece em poucos minutos, cerca de 15 minutinhos são o suficiente para começarmos a sentir os seus efeitos.

Como se trata de um remédio 100% natural ele não provoca nenhum mal a saúde de quem o toma.

Por isso, ele é perfeito para quem não deseja prejudicar a saúde, mas que deseja ter uma noite bem caliente e cheia de prazer, pois ele nada mais é do que um viagra natural.

Tanto mulher quanto homem podem tomar

O tesão de vaca é um líquido que pode ser misturado a um copo de suco ou vinho, por exemplo. E tanto os homens quanto as mulheres podem ingeri-lo.

Seu efeito dura por muito tempo e em poucos minutos após a sua ingestão os primeiros sinais começam a surgir.

Quantidade a ser tomada

Quem já tomou o Tesão de Vaca garante que ele é poderoso e é uma grande ajuda para quem pretende melhorar a vida sexual de forma muito eficiente e permanente.

E para fazer efeito não é preciso exagerar na quantidade a ser tomada por cada vez, afinal, basta algumas gotinhas e os resultados obtidos podem se prolongar por toda a noite.

Ao fazermos uma pesquisa pela rede é possível encontrarmos a opinião de inúmeras pessoas que usaram esse estimulante sexual. Nelas percebemos o quanto que eles estão satisfeitos com o efeito obtido e existem até algumas pessoas que dizem que o casamento foi salvo graças a ação do tesão de vaca.

Diante disso, podemos dizer que esse é um estimulante natural que proporciona ótimos resultados e que promove uma ótima noite de amor.

Caso você não opte pelo Tesão de Vaca, o Libidmax funciona também para melhorar a libido e a relação sexual. Porem, o Libidmax deve ser tomado apenas pelo Homem.

Veja os mitos desse afrodisíaco natural:

Importante: É muito importante consultar um médico antes do uso, principalmente se você tem alguma doença como o diabetes.

Porque devemos ingerir vegetais para não ter diabetes?

Todos bem sabemos que a diabetes é uma doença crônica que pode ter algumas complicações que acarretem na cegueira ou amputação de parte dos membros.

Muita gente acredita que deixando de ingerir açúcar não vai sofrer com essa doença lá na frente. Mas os vegetais podem ser ótimos aliados nesse momento e muitas pessoas estão vencendo a diabetes através deles.

Consumir diariamente alguns alimentos pode nos ajudar a evitar a diabetes como é o caso do azeite, trigo, amendoim e aveia, por exemplo. Isso é possível porque eles controlam o nosso nível de glicose que está presente no sangue e reduzem o colesterol.

Alimentos que são ricos em fibras são uma ótima opção para quem possui algum parente próximo que tem a diabetes.

Os vegetais proporcionam inúmeros benefícios ao nosso organismo. Alguns deles ainda nos ajuda a prevenir a diabetes.

É por esse motivo que devemos sempre optar por uma alimentação balanceada e com a presença de certos alimentos no prato, pois somente dessa forma é possível ter uma prevenção mais eficaz.

Uma outra dica é fazer o programa Diabetes Controlada que é um treinamento online do médico brasileiro Patrick Rocha, o treinamento é baseado em estudos e pesquisas sobre diabetes das maiores Universidades e Centros Médicos do mundo.

Vegetais que ajudam a prevenir a diabetes

Vegetais contra diabetesSabemos a importância de ter uma alimentação balanceada. Mas muitos ainda relutam em comer certos alimentos como os vegetais, por exemplo. No entanto, eles são fundamentais para quem não quer ter algumas doenças.

Brócolis

Um dos vegetais que previnem essa doença é o brócolis. Alguns dos elementos que são encontrados em seu interior possuem a capacidade de regular nossos níveis de açúcar que estão presentes no sangue.

Espinafre

O espinafre é mais um vegetal que deve ser ingerido frequentemente já que ele apresenta várias propriedades nutricionais. Ao ingeri-lo diariamente estamos diminuindo em 10% as chances de termos diabetes.

Beterraba

A beterraba é capaz de fazer uma regulação do nível de açúcar que está presente no sangue bem como da pressão arterial. É por isso que ela é altamente recomendada para nos prevenirmos da diabetes.

Batata doce

Como a batata doce contém uma quantidade grande de antocianinas, elas são um sucesso enorme na hora de lutar contra a diabetes. Essa substância é responsável por regular o açúcar no nosso sangue.

Repolho

O repolho tanto regula os níveis de açúcar que estão presentes no nosso sangue quanto melhoram o funcionamento do pâncreas.

Aspargos

Os aspargos são sensacionais, afinal, eles conseguem melhorar a função dos nossos rins e pâncreas. Por isso, ele é o vegetal verde mais recomendados para quem pretende se prevenir e não sofrer com a diabetes futuramente.

Porque os vegetais verdes são ótimos para desintoxicar?

Com a correria do dia a dia é praticamente impossível mantermos a saúde em alta. Mas se optarmos por alimentos saudáveis em nossas refeições e ingeri-los diariamente conseguimos obter mais saúde e melhores condições de vida.

Os vegetais verdes, por exemplo, são ótimas fontes de minerais, vitaminas, fibras com destaque todo especial para o ácido fólico e o cálcio.

Além dos vegetais verdes possuírem vitaminas que fazem bem ao sistema nervoso central, eles ainda previnem diversos tipos de anemia, agem como desintoxicantes e ajudam na saúde óssea.

Para quem pretende emagrecer pode consumir esses vegetais a vontade já que a quantidade de calorias que eles possuem é baixa, com isso, é possível reduzir medidas.

Quando queremos emagrecer precisamos modificar a nossa alimentação deixando-a mais variada e saudável.

Consumir alimentos frescos e saudáveis como é o caso dos vegetais verdes ajuda a alcançarmos esse objetivo já que eles possuem pouca caloria e são fontes muito boas de nutrientes e fibras que ajudam a regularizar o organismo a funcionar bem e, assim, desintoxicá-lo e fazer um detox inteligente.

Dica extra: Caso deseja emagrecer, a dieta do ovo cozido pode funcionar para seu caso.

Principais vegetais verdes

Vegetais para desintoxicarAlguns dos vegetais verdes que atuam como desintoxicantes no nosso organismo são:

Rabanete

Concentra muita água e nível baixo de calorias. Como possui um sabor picante isso quer dizer que ele contém uma propriedade que é aumenta a secreção da bílis e acaba favorecendo o trabalho do fígado. É ótima fonte de vitamina C que é um antioxidante que reforça a nossa imunidade e que protege as nossas células.

Cenoura

A cenoura é riquíssima em betacaroteno que é uma substância que quando absorvida pelo nosso organismo se transforma em vitamina A que protege a saúde ocular. Ela ainda é fundamental para os cabelos, mucosa e pele. Ela também apresenta poder antioxidante que ajuda a prevenir alguns tipos de câncer como o de pulmão e mama.

Repolho

Contém um glicosinolato, sinigrina, que ajuda a prevenir o câncer de próstata, de cólon e de bexiga. Também é riquíssimo em antioxidantes que ajuda o nosso organismo a lutar contra as diversas formas de câncer existentes.

Ainda contém antocianinas que são umas propriedades anti-inflamatórias que ajuda na redução das condições inflamatórias crônicas como é o caso das doenças cardíacas e da artrite.

Rúcula

É um dos vegetais verdes mais ricos em antioxidantes. Eles são essenciais para prevenir as atividades que os radicais livres venham a ter no nosso corpo. A rúcula contém flavonoides e vitamina A que ajudam a proteger o corpo contra câncer de pulmão, bucal e pele.

Os antioxidantes presentes nesse vegetal são as vitaminas C, K e A. Elas oferecem um suporte muito bom ao nosso sistema imunológico.

Veja a seguir, como conservar a rúcula por até 1 semana: